A Árvore da Convicção I – Post Inaugural

Seja bem vindo e bem vinda ao Vlog Eu Posso, Sim!

Este Vlog nasceu de uma ideia, que por sua vez nasceu de uma missão, a minha missão: contribuir para o sucesso pessoal de quem busca o êxito em qualquer área da vida. Saúde, esporte, profissão, diversão, amor e mais um tanto de coisas. E posso garantir que sinto um imenso prazer em ver a evolução de outro humano, é o que sinto ao ver ex alunos de meus cursos.

Outra coisa me motivou a montar este trabalho. Você já se perguntou como pode existir pessoas com títulos como mestrado, doutorado ou PhD e ainda assim terem uma baixa condição de vida? Ou alguém que mal sabe assinar o próprio nome e conseguiu se tornar milionário?

Pois bem, eu entendi que minhas ideias devem ser compartilhadas na web. Acredito que assim alcanço muito mais pessoas, para além de meus alunos no SENAC. E “muito mais pessoas” significa que me esforçarei para além de compôr os vídeos, compôr os textos, uma vez que há quem não pode ouvir ou ver e o texto escrito facilita a comunicação em casos especiais.

Agora vamos ao trabalho!

Nosso primeiro tema a ser abordado é o que chamo de A Árvore da Convicção. É um modelo que explica como nascem as convicções, incluindo convicções que podem estar te limitando de seguir rumo ao sucesso pessoal.

Segundo este modelo, uma convicção nasce como uma semente jogada na terra fértil, uma ideia que chega a você e te chama a atenção. Então, essa semente (ou ideia) começa a brotar, pois recebeu o mínimo de água necessário, o mínimo de apoio necessário. Esse apoio, no mundo das ideias, significa que nossos amigos, pais, professores ou até a sociedade nos dá apoio. Então o que era só uma simples semente (ou uma simples ideia) começa a ter força para se transformar numa pequena plantinha. A plantinha da convicção!

Mas ela não é forte o suficiente, pois qualquer vento pode matá-la, ela precisa de mais água e mais nutrientes. As pessoas que valorizamos e/ou a sociedade continua apoiando a evolução desta pequena e frágil ideia. E ela segue crescendo e ficando cada vez mais forte! Está lá a jovem planta da convicção, forte o suficiente para resistir aos ventos. Mas ainda fraca para dar frutos. Necessita de mais água, mais nutrientes, mais cuidado. E ela segue evoluindo…

Até que um belo dia aparecem os primeiros frutos da convicção, você colhe e começa a viver deles.

É neste ponto que habita o perigo…

A convicção produz frutos bons ou frutos maus. Ocorre que passamos a viver de nossas convicções sem analisar se a produção é de bons ou maus frutos. O perigo está em nos alimentarmos dos frutos doentes, eles produzem uma vida doente e enfraquecida.

Estou certo de que se a árvore da convicção está te adoecendo, então ela deve ser cortada!

Na próxima semana, finalizarei este assunto explicando como podemos identificar se nossa Árvore da Convicção está produzindo bons ou maus frutos e como eliminar aquelas que produzem frutos enfraquecedores.

Assine o vlog Eu Posso, Sim! para receber as atualizações por email semanalmente.

E lembre, a síndrome de Gabriela é dela! Chega de “Eu nasci assim, eu cresci assim, e sou mesmo assim, vou ser sempre assim.”

Deixe seus comentários aqui no Vlog, eles são muito importantes para mim.

Muito obrigado!

João Lins.

Anúncios

4 comentários sobre “A Árvore da Convicção I – Post Inaugural

    • Miguel Mar,

      A iniciativa é o arranque para alcançar muito mais pessoas.

      Obrigado pela visita, assista o segundo vídeo, está melhor formatado do que este aqui: aprendendo e avançando.

      Abraço,
      João Lins.

  1. João!

    Eu não conhecia o seu trabalho, mas parabéns pela iniciativa. Tenho certeza que esse seu trabalho trazerá a prosperidade para muitos outros humanos nas mais variadas áreas da vida.

    Mais uma vez parabéns e obrigado pela oportunidade

    • Pedro Henrique,

      Muito obrigado pelo comentário.

      Além dos posts, estou preparando um presentinho para oferecer a todos que seguem o Vlog Eu Posso, Sim!

      Sucesso e prosperidade, meu caro!

      João Lins.

Compartilhe seu conhecimento ou deixe suas dúvidas aqui.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s